Pular para o conteúdo principal

EXISTE IMIGRAÇÃO HEREDITÁRIA?

Por 17 anos ele acreditou que estava em situação irregular até descobrir que merecia cidadania
Gilberto Calderón Jr. obteve a cidadania de sua bisavó paterna, nascida em El Paso, Texas, em 1908.
Por mais de 17 anos, Gilberto Calderón Jr. viveu como uma pessoa indocumentada cheia de medo e com a incerteza de que em qualquer dia ele poderia perder tudo.
Foi em 2001, quando sua família viajou com um visto de turista para o Colorado, a fim de visitar alguns parentes, mas as condições de violência extrema no Vale do Juarez, devido à guerra às drogas, juntamente com uma oferta de trabalho para seu pai, fizeram com que decidisse permanecer indocumentado.
Durante anos, o jovem e sua família viveram nas sombras da ilegalidade no Colorado, onde seu pai construiu um negócio próspero para sustentar toda a sua família.
Gilberto, por outro lado, frequentou a escola sem saber o que seu futuro traria, uma vez que era hora de ir para a faculdade, onde seu status de imigração seria um grande problema.
Foi então que o presidente Barack Obama estabeleceu o Programa de Ação Diferida (DACA), ao qual ele poderia se candidatar, desde que chegara aos Estados Unidos com apenas dez anos. Desde então, ele foi protegido até que o presidente Donald Trump cancelou no ano passado a proteção vital à imigração.
Em meio ao medo pelo que seria seu futuro, Gilberto começou a investigar uma ferramenta de imigração que tem pouco conhecimento, cidadania por herança.
E como acontece com muitos imigrantes que cresceram na área de fronteira, ele descobriu que ele era um cidadão americano legítimo, e que, portanto, ele poderia mudar sua vida com a tão esperada cidadania.
Gilberto descobriu que sua bisavó paterna nasceu em El Paso, Texas, em 1908 e, portanto, ele e seu pai podiam ter acesso à cidadania.
Uma advogada de imigração aceitou seu caso e, em vez de solicitar residência permanente para pai e filho, sua estratégia legal levou-os a solicitar a cidadania por herança.
"Nós encontramos dentro da lei o caminho para mergulhar no passado de cada indivíduo, para investigar a sua árvore de família e ver se algum dos seus antepassados era um cidadão norte-americano, uma prática que alguns escritórios de advocacia fazem, mas nós usamos para o benefício da família Calderón", disse a advogada.
"Primeiro, tivemos que iniciar o processo para o pai de Gilberto, que realmente herdou a cidadania dos Estados Unidos de sua avó paterna", confirmou a advogada
"Há muitos formulários e testes extensivos para classificar e categorizar em um processo desse tipo. Nesse caso, houve uma investigação legal sobre as leis dos Estados Unidos e do México. Depois houve um extenso acompanhamento individual com o USCIS", disse confirmou Ms.Morales.
"Cidadania obtida através de herança foi a chave que deu a paz que agora goza Calderón e sua família, um resultado que abre possibilidades não apenas beneficiários do programa DACA, mas as pessoas que vivem nos Estados Unidos e poderia solicitar sua cidadania desta forma ", disse Morales.

Law Offices of Witer DeSiqueira
Fonte: eldiariony.com


OBS.: O propósito deste artigo é informar as pessoas sobre imigração americana, jamais deverá ser considerado uma consultoria jurídica, cada caso tem suas nuances e maneiras diferentes de resolução. Esta matéria poderá ser considerada um anúncio pelas regras de conduta profissional do Estado da Califórnia e Nova York. Portanto, ao leitor é livre a decisão de consultar com um advogado local de imigração.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VISTO H2B - NOVA OPORTUNIDADE DE TRABALHO NOS EUA

O FACEBOOK ESTARIA "AJUDANDO" O ICE A RASTREAR IMIGRANTES INDOCUMENTADOS NOS EUA

Relatório revela que a agência de controle de imigração monitora os movimentos dos indocumentados através da rede social As autoridades federais de imigração não só têm o poder de lhe pedir informações sobre sua conta do  Facebook no momento da entrada nos Estados Unidos, mas nos bastidores, tem uma equipe que monitora os movimentos dos indocumentados através da rede. O site Intercept, que em certa época serviu de plataforma para informações divulgadas pelo ex-funcionário da CIA Edward Snowden, revelou que o Serviço de Imigração e Alfândega (ICE) usa dados do Facebook para rastrear e localizar imigrantes indocumentados. O relatório é baseado em e-mails e documentos da agência que mostram o alcance do governo na interceptação de suspeitos. O relatório refere-se ao caso de um imigrante no Novo México, do qual os agentes conseguiram obter dados como: quando acessaram sua conta e os endereços IP onde ini…
ENFERMEIROS (AS) BRASILEIROS (AS) NOS EUA - O PASSO A PASSO DO GREEN CARD

Vir para os Estados Unidos trabalhar pode, e será uma experiência encantadora.  O Law Offices of Witer DeSiqueira em parceira com a CNI - Consultoria de Negócios Internacionais estão preparados para tornar o processo de capacitação e imigração de enfermeiros (as) para os Estados Unidos um processo simples e viável.  Você entra com seu estudo e knowledge em enfermagem e nós com a parte jurídica/técnica de sua imigração.

Documentação é a parte principal do processo de obtenção de um green card por meio da enfermagem.  Abaixo lhe mostramos as vantagens, as peculiaridades e quais os documentos são necessários, numa maneira sintetizada e de fácil entendimento, lhe preparando para a futura obtenção de seu green card SALÁRIO E BENEFÍCIOS O salário a ser pago é de acordo com as regras do Department of Labor e das leis estaduais. Os benefícios apresentados pelas agências envolvidas podem ser desde plano de saúde, dental e …