Pular para o conteúdo principal

EXISTE IMIGRAÇÃO HEREDITÁRIA?

Por 17 anos ele acreditou que estava em situação irregular até descobrir que merecia cidadania
Gilberto Calderón Jr. obteve a cidadania de sua bisavó paterna, nascida em El Paso, Texas, em 1908.
Por mais de 17 anos, Gilberto Calderón Jr. viveu como uma pessoa indocumentada cheia de medo e com a incerteza de que em qualquer dia ele poderia perder tudo.
Foi em 2001, quando sua família viajou com um visto de turista para o Colorado, a fim de visitar alguns parentes, mas as condições de violência extrema no Vale do Juarez, devido à guerra às drogas, juntamente com uma oferta de trabalho para seu pai, fizeram com que decidisse permanecer indocumentado.
Durante anos, o jovem e sua família viveram nas sombras da ilegalidade no Colorado, onde seu pai construiu um negócio próspero para sustentar toda a sua família.
Gilberto, por outro lado, frequentou a escola sem saber o que seu futuro traria, uma vez que era hora de ir para a faculdade, onde seu status de imigração seria um grande problema.
Foi então que o presidente Barack Obama estabeleceu o Programa de Ação Diferida (DACA), ao qual ele poderia se candidatar, desde que chegara aos Estados Unidos com apenas dez anos. Desde então, ele foi protegido até que o presidente Donald Trump cancelou no ano passado a proteção vital à imigração.
Em meio ao medo pelo que seria seu futuro, Gilberto começou a investigar uma ferramenta de imigração que tem pouco conhecimento, cidadania por herança.
E como acontece com muitos imigrantes que cresceram na área de fronteira, ele descobriu que ele era um cidadão americano legítimo, e que, portanto, ele poderia mudar sua vida com a tão esperada cidadania.
Gilberto descobriu que sua bisavó paterna nasceu em El Paso, Texas, em 1908 e, portanto, ele e seu pai podiam ter acesso à cidadania.
Uma advogada de imigração aceitou seu caso e, em vez de solicitar residência permanente para pai e filho, sua estratégia legal levou-os a solicitar a cidadania por herança.
"Nós encontramos dentro da lei o caminho para mergulhar no passado de cada indivíduo, para investigar a sua árvore de família e ver se algum dos seus antepassados era um cidadão norte-americano, uma prática que alguns escritórios de advocacia fazem, mas nós usamos para o benefício da família Calderón", disse a advogada.
"Primeiro, tivemos que iniciar o processo para o pai de Gilberto, que realmente herdou a cidadania dos Estados Unidos de sua avó paterna", confirmou a advogada
"Há muitos formulários e testes extensivos para classificar e categorizar em um processo desse tipo. Nesse caso, houve uma investigação legal sobre as leis dos Estados Unidos e do México. Depois houve um extenso acompanhamento individual com o USCIS", disse confirmou Ms.Morales.
"Cidadania obtida através de herança foi a chave que deu a paz que agora goza Calderón e sua família, um resultado que abre possibilidades não apenas beneficiários do programa DACA, mas as pessoas que vivem nos Estados Unidos e poderia solicitar sua cidadania desta forma ", disse Morales.

Law Offices of Witer DeSiqueira
Fonte: eldiariony.com


OBS.: O propósito deste artigo é informar as pessoas sobre imigração americana, jamais deverá ser considerado uma consultoria jurídica, cada caso tem suas nuances e maneiras diferentes de resolução. Esta matéria poderá ser considerada um anúncio pelas regras de conduta profissional do Estado da Califórnia e Nova York. Portanto, ao leitor é livre a decisão de consultar com um advogado local de imigração.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VISTO PARA TRATAMENTO MÉDICO NOS EUA

10 06 2015 PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE IMIGRAÇÃO PARA OS EUA
P - [FERNANDO]
BOM DIA,
EU E MINHA ESPOSA JA MORAMOS ILEGALMENTE NA FRANÇA E NA INGLATERRA DURANTE 5 ANOS.
EU JA FUI IMPEDIDO DE ENTRAR NA INGLATERRA EM 2003,
E MINHA ESPOSA JA FOI DEPORTADA DA FRANÇA.
GOSTARIA DE SABER SE ISSO AFETA DE FORMA NEGATIVA PARA CONSEGUIRMOS O VISTO DE TURISTA PARA OS EUA ??
SE OS EUA TEM ASCESSO AO NOSSO HISTORICO IMIGRATORIO, EM OUTROS PAISES.
SE TEMOS CHANCE DE CONSEGUIR O VISTO OU SE POR ESTES MOTIVOS ESTAMOS IMPEDIDOS DE CONSEGUIR O VISTO ??
DESDE JA AGRADEÇO. R – [LAW OFFICES OF WITER DESIQUEIRA] Olá Fernando, Obrigada por nos contatar. Não temos conhecimento de que os EUA compartilham informações sobre imigrantes ilegais com a França e a Inglaterra.  Sabemos que isso acontece com Canadá, Bahamas, Panamá, Porto Rico, Austrália e Nova Zelândia. Mas o que poderá aumentar suas chances de conseguir um visto de turista é comprovar renda e vínculos fortes com o Brasil. Mas se sua intenção é imigrar, existem vário…
PERGUNTAS E DÚVIDAS FREQUENTES SOBRE IMIGRAÇÃO E VISTOS

COMO TRANSFERIR UM VISTO DE TURISTA PARA O VISTO DE ESTUDANTE? ESTANDO MATRICULADO EM UMA ESCOLA LÁ, FACILITA?R – Se a intenção é ir para estudar o correto é já sair daqui com o Visto de Estudante (F-1). Lá é possível fazer essa alteração de status sim, porém pode ser negado alegando fraude, ou seja, entraram com um visto de turista já com a intenção de ficar. QUAL A BUROCRACIA PARA SE MATRICULAR EM UM COLLEGE?R – Para se matricular num college deve apresentar o certificado e o histórico de conclusão do segundo grau traduzidos por tradutor juramentado, apresentar um sponsor (responsável) que comprove renda suficiente para mantê-lo nos EUA estudando, uma vez que, pela lei americana um estudante só pode trabalhar 20horas por semana. QUAL DOS DOIS É O “MELHOR” VISTO, CASO ENCONTREM A GENTE TRABALHANDO E ESTUDANDO DENTRO DO PAÍS?R – O visto de turista não dá direito nem a estudar, nem a trabalhar. O visto …